Webinar – I Seminário de Segurança e Saúde na Construção Civil | Dia Mundial da Terra

Webinar – I Seminário de Segurança e Saúde na Construção Civil | Dia Mundial da Terra

Objetivo

O sector da construção civil gera grandes impactes ambientais, assim, surgiu a necessidade de pensar e desenvolver medidas e ações de modo a melhorar o seu desempenho. É essencial que o se adotem medidas de prevenção ambiental, apostando na promoção da gestão ambiental, de acordo com a legislação em vigor garantindo o seu cumprimento e tornando o seu desempenho ambiental mais eficiente. Este webinar propõe uma abordagem à valorização da gestão ambiental na construção civil, abordando questões de sustentabilidade e planos de minimização e mitigação dos impactes ambientais gerados neste sector, apresentando-se como guia de procedimentos em obra, estabelecendo diretrizes e instruções a este nível.

Número de participantes

250

Descrição

O 3.º Ano da Licenciatura em Saúde Ambiental organiza o “I Seminário de Segurança e Saúde na Construção Civil”, que decorrerá no próximo dia 22 de Abril pelas 14h30m, em formato webinar.

Com o presente webinar pretende-se abordar uma temática extremamente importante no setor da construção: o ambiente e os contributos da gestão ambiental.
Assim sendo, torna-se essencial criar estratégias e ferramentas de apoio às atividades da construção, de forma a minimizar e preferencialmente eliminar os impactes causados pelas práticas e procedimentos tradicionais.

O “I Seminário de Segurança e Saúde na Construção Civil” é relevante, não só por se tratar de uma um evento onde se irá refletir essa atividade com impactes no ambiente, mas também, e sobretudo, porque a gestão ambiental nas obras exige um enfoque específico, tanto pela natureza particular do trabalho de construção, como pelo caráter temporário dos estaleiros de obras.

Só uma visão sistémica, dinâmica e pluridisciplinar, que se promoverá neste webinar, permitirá atingir o equilíbrio entre risco ambiental e a qualidade de vida, onde os diversos conhecimentos técnico-científicos se complementem, e onde cada “ator” da construção civil possa contribuir para a definição de políticas e programas que possibilitem a promoção da saúde ambiental nos estaleiros de construção.

 

Avaliação/impacto

Registo do número de participantes e de intervenções no período de debate.

Escola Sup. de Tecnologia da Saúde de Coimbra | Coimbra
Indústria, inovação e infraestruturas - Objetivo 9Cidades e comunidades sustentáveis - Objetivo 11
Jovens Repórteres para o AmbienteEco-Escolas
Publicado a

21/04/2020

Submeter um comentário