UM MAR DE PLÁSTICO? STOP! ECOPALHINHAS

UM MAR DE PLÁSTICO? STOP!  ECOPALHINHAS

Objetivo

– Reduzir o consumo de  plástico – Combater  o uso desnecessário do plástico nas escolas. – Alertar para o problema do plástico (nomeadamente as palhinhas nos oceanos)

Número de participantes

65

Descrição

“Um Mar de Plástico? STOP” – Alerta para o problema dos plásticos nos oceanos, nomeadamente, as palhinhas (e paus de cotonetes, etc..)

Com os alunos Eco-Escolas e Delegados Ambientais foi construído um ecoponto: Ecopalhinhas.

Após a visualização de jogos, pequenos vídeos e powerpoints sobre o plástico nos oceanos, surgiu a ideia de construir um ecopalhinhas para divulgar, na escola, a separação das palhinhas  e lançar o ‘Recusar’ as palhinhas. Assim, contribui-se para  a sua  ‘Redução’ uma vez que estas são feitas de um tipo de plástico não reciclável, LPDE, e, por esse motivo, não devem de ir para o eco ponto amarelo.

Usa-se palhinhas de plástico durante 15 minutos que demoram cerca de 200 anos a degradar-se. Em Portugal são usadas 1 bilião de palhinhas por ano. São itens de difícil reciclagem e, tendo em conta o seu tamanho e peso reduzidos, voam ou entram nas sarjetas acabando facilmente no mar, pondo em perigo animais marinhos que os confundem com comida.

Anualmente, aproximadamente 100 milhões de animais marinhos são afetados pela poluição do plástico. Mas, é um problema de fácil resolução se todos tomarmos consciência dele cada vez que pedirmos uma bebida!

Os alunos da EB1 do Faião aderiram ao movimento “ zero palhinhas” e mandaram-nos esta mensagem: “Queremos crescer num Planeta Saudável, não colocando em risco a vida dos Oceanos e, consequentemente, a nossa própria vida!”

 

Avaliação/impacto

Grande adesão dos alunos na seapração das palhinhas e respetivas famílias.

Entrevista com  jornal “Correio Sintra” sobre esta atividade

Escola Básica do Alto dos Moinhos | Sintra
Proteger a Vida Marinha - Objetivo 14
Eco-Escolas
Publicado a

21/11/2018

Submeter um comentário