Dia Mundial da Terra: Hastear da Bandeira Verde no AESL

Dia Mundial da Terra: Hastear da Bandeira Verde no AESL

Objetivo

  • Celebrar o Dia Mundial da Terra.
  • Hastear a Bandeira Verde 2019_2020
  • Promover a importância do Eco_Escolas no Agrupamento de Escolas Dr. Serafim Leite (AESL).

Número de participantes

30

Descrição

A celebração do Dia Mundial da Terra, 22 de abril, associou-se à celebração de sermos Eco_Agrupamento e por isso nas 3 escolas hastearmos a nova Bandeira Verde.

Na escola sede do Agrupamento de Escolas Dr. Serafim Leite (AESL), representantes de toda a comunidade educativa (devido às restricões da pandemia poucos de cada setor) reuniram-se no átrio principal, convenientemente decorado com trabalhos dos alunos do 11.ºB. A cerimónia começou com a leitura do poema “Ar Livre” de Miguel Torga, por duas alunas do 8.ºC, Miriam Henriques e Lara Andrade. De seguida, foram entregues ao Sr. Presidente da Câmara, Jorge Vultos Sequeira, duas propostas dos alunos, respeitantes à melhoria da qualidade de vida na escola e na cidade de S. João da Madeira. A cerimónia contou também com a presença do vice-Presidente, José Nuno Vieira, da Vereadora da Educação, Irene Guimarães, da técnica de ambiente da autarquia, Vera Neves, e da Diretora do Agrupamento, Anabela Brandão.

A primeira proposta, apresentada por uma aluna do 8.ºA, Beatriz Barbosa, solicitava ajuda na remoção dos exemplares de uma espécie invasora do Jardim da escola: a erva das pampas ou plumas (Cortaderia selloana). A Mariana Santiago Oliveira, do 5.ºA, também entregou outra proposta de colaboração ao Sr. Presidente, no sentido de serem colocadas torneiras automáticas nas casas de banho da escola.
Logo de seguida, foi cantada a música  “Earth Song” de Michael Jackson por quatro alunos do 10.ºA: vozes da Carolina Pereira e Bernardo Fonseca e guitarra do Bernardo Ferreira e Gaspar Baptista
Em resposta aos pedidos dos alunos, o Sr. Presidente agradeceu as propostas, e falou sobre a forma como São João da Madeira está a tratar da eficiência hídrica na rede de abastecimento. Desafiou também os participantes a adivinharem quantos quilos de resíduos não recicláveis são produzidos, anualmente, por cada sanjoanense. Ninguém acertou: nada mais nada menos do que 403 quilos; apenas 67 quilos, são resíduos separados, o que nos alerta para a necessidade de separarmos, cada vez mais, os resíduos que produzimos.
Quase a finalizar, o senhor presidente da Câmara entregou à diretora Anabela Brandão o diploma de Eco Agrupamento e o certificado da Associação Bandeira Azul em como no ano 2019_2020 foram cumpridos os 7 passos do projeto Eco Escolas. Para terminar, o Sr. Presidente da Câmara e a Sr.ª Diretora hastearam a bandeira verde no mastro da escola.

Juntos, podemos mudar o Mundo!

Avaliação/impacto

Celebração cuidada e com forte participação e intervenção dos protagonistas do projeto Eco_Escolas: os alunos!

Escola Básica e Secundária Dr. Serafim Leite | São João da Madeira
Educação de qualidade - Objetivo 4Cidades e comunidades sustentáveis - Objetivo 11Parcerias para a Implementação dos Objetivos - Objetivo 17
Eco-EscolasBandeira Azul
Publicado a

01/05/2021

Submeter um comentário