Assembleias participativas eco escolas 2017 – 10 anos de eco escolas no CEAN

Assembleias participativas eco escolas 2017 – 10 anos de eco escolas no CEAN

Objetivo

  • Fomentar a prática participativa na organização de atividades de sensibilização ambiental no Concelho de Campo Maior;
  • Aumentar a participação da família na formação cívica e ambiental;
  • Valorizar o papel da escola como agente de mudança na comunidade;
  • Divulgar o programa eco escolas junto da comunidade e alargar o número de parceiros eco escolas 2017/2018

Número de participantes

86 participantes familiares e 182 crianças

Descrição

Este ano o CEAN comemora 10 anos do programa eco escolas. Estamos convencidos da importância deste programa na nossa estratégia pedagógica. Aprender fazendo, questionando e juntando empreendedorismo, participação cívica e criatividade são as alvancas potenciadoras do programa em Campo Maior. Lançámos o desafio aos familiares para se juntarem a nós numa grande reflexão ambiental que envolveu a VALNOR e o Município de Campo Maior bem como a ONG´A GEDA na discussão dos princípais problemas locais, com destaque para a gestão dos resíduos, água, alterações climáticas, usos do solo, agricultura biológica e a prática de desportos ao ar livre em especial os desportos de natureza como forma de aproximar as famílias da natureza. Neste sentido foram propostas pelas famílias dezenas de iniciativas que iremos majorar para o nosso plano de ação 2018, entre as quais destacamos, a criação dum grupo de caminheiros no CEAN, ações de limpeza de espaços públicos, campanha de informação/sensibilização sobre dejectos caninos, campanha de poupança de água, sementeiras de bolotas para reflorestação de espécies autoctones, corrida de carrinhos de rolamentos, semana do ambiente 2018 ou ainda a agenda verde do Concelho de Campo Maior em parceria com todos os parceiros. Decorreram ao longo da semana oficinas práticas no CEAN para toda a famílai, com destaque para a criação de bonecas com materiais de desperdícios textíl, sementeira de bolotas em família e implementada a brigada de guardiões de ZEUS, formada por alunos que monitoriza e sensibiliza a comunidade para a poupança de água.   Foram ainda pintados bancos de exterior com a imagem do programa eco escola e empreendedorismo e aplicada uma cobertura de exterior para que os nossos alunos possam brincar.

Avaliação/impacto

As 3 sessões realizadas foram amplamente participadas. É de destacar a quase totalidade dos alunos do CEAN, um grande número de representantes das famílias e este ano um elevado numero de entidades parceiras (16 parceiros presentes). É de realçar o número de ações propostas por todos os agentes um total de 124 ações, que serão devidamente articuladas para que possam ter sucesso e viabilidade no âmbito do nosso desempenho ou em articulação com entidades parceiras. O envolvimento e abertura da comunidade é um ponto forte, pois só assim poderemos aproximar a escola da comunidade e potenciar os esforços pedagógicos que tantas vezes são barrados em casa por comportamentos dos adultos menos afinados com as necessidades atuais de eco-eficiência. Sentimos também uma grande necessidade das pessoas em ir ao encontro da natureza, sendo que muitas pessoas não conhecem a riqueza do património natural local. Ao serem confrontadas com fotografias de natureza tiradas em Campo Maior pelos nossos alunos e parceiros, as pessoas refletem alguma dificuldade em reconhecer as espécies ou os locais, ficando perplexas ao descobrir que distam das suas habitações a menos de 4 km de raio.

Centro Educativo Alice Nabeiro | Campo Maior
Educação de qualidade - Objetivo 4Água potável e saneamento - Objetivo 6Cidades e comunidades sustentáveis - Objetivo 11Ação Climática - Objetivo 13Proteger a Vida Terrestre - Objetivo 15Parcerias para a Implementação dos Objetivos - Objetivo 17
Eco-Escolas
Publicado a

22/11/2017

Submeter um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *