Apanhar a bolota, Ajudar a floresta!

Apanhar a bolota, Ajudar a floresta!

Objetivo

Nos dias 10 e 17 de novembro, as Brigadas da Floresta formadas pelos alunos das turmas do oitavo ano de escolaridade, acompanhados por professores do Projeto Eco-Escolas do Agrupamento de Escolas José Silvestre Ribeiro, realizaram saídas de campo cujo objetivo era apanhar e guardar a máxima quantidade de bolotas.

A preservação destas bolotas visa possibilitar a sua germinação ao longo dos próximos meses.

Os exemplares que vierem a germinar serão alvo de plantação nos jardins da escola e nos espaços em redor da mesma, no próximo ano.

A tarefa, agora, é manter o bolotário e garantir que o crescimento destas espécies ocorre nas melhores condições.

O dia da bolota foi dia de floresta e de vida!

Número de participantes

50

Descrição

Um dia da bolota na floresta em torno da escola.

Apanhar bolotas na mata, observar a germinação, conseguir uma plantação.

Agitar consciências, ajudar o planeta. Um pequeno passo de cada vez.

 

Avaliação/impacto

As turmas envolvidas aceitaram com entusiasmo a tarefa.

Algumas das bolotas recolhidas ficaram nos laboratórios da escola e serão acompanhadas pelas turmas.

Outras bolotas foram levadas para casa e serão vigiadas pelos alunos e família.

Após o crescimento, será agendada uma atividade global de plantação.

EB 2,3/S José Silvestre Ribeiro | Idanha-a-Nova
Educação de qualidade - Objetivo 4Cidades e comunidades sustentáveis - Objetivo 11Produção e Consumo Sustentáveis - Objetivo 12Proteger a Vida Terrestre - Objetivo 15Parcerias para a Implementação dos Objetivos - Objetivo 17
Jovens Repórteres para o AmbienteEco-Escolas
Publicado a

20/11/2017

Submeter um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *